Thursday, 5 November 2015

Calçada da Glória

« Esta Calçada da Glória, (...) é muito antiga como serventia pública. Nos séculos velhos certamente não passaria de de uma Vereda na encosta, ladeando uma parte da cêrca dos frades de S. Roque; depois foi-se transformando em rampa, e, quando se urbanizaram S. Pedro de Alcântara e as Taipas, deu-se foros de Calçada, ligando a Avenida ao Bairro Alto, como dantes ligava as Hortas de Valverde  a Vila Nova de Andrade.

Calçada da Glória [c. 1910]
Joshua Benoliel, in AML

Da «Glória» se chama em razão de uma Ermida de N. S. da Glória que existiu ao fundo da rampa, erigida erm 1574, por Fernão Pais (...). Aquela ermida situava-se um pouco mais acima do fundo da Calçada de hoje, pois a rampa do meio para baixo tinha outra orientação; na Travessa da Glória, esquina sul junto à Avenida, seria o seu lugar, e ainda há uns dez anos havia dela vestígios.
Os ascensores - e estamos a ver o que seriam os dois «maxibombos» há cinqüenta anos - datam de 1884.»
(ARAÚJO, Norberto de, Peregrinações em Lisboa, vol. V, p. 79)

Calçada da Glória [c. 1940]
Ferreira da Cunha in AML

No comments:

Post a Comment

Web Analytics