Tuesday, 13 October 2015

Rua Nova do Desterro

O topónimo evoca o Convento do Desterro - ocupa a quarteirão entre a Rua Nova do desterro, onde tem a fachada principal, e a Rua Antero de Quental - que os monges de S. Bernardo transformaram em casa principal da Ordem numas obras que duraram de 1591 a 1640.  Em meados do século XIX passou a funcionar no convento o Hospital do Desterro.

Rua Nova do Desterro [1900]
À esquerda, o Hospital do Desterro e, ao fundo, a Rua da Palma; em cima o miradouro da Senhora do Monte

Belisário Pimenta, in AML

Desactivado progressivamente desde 2006, o Hospital do Desterro foi vendido à Estamo, empresa pública que gere o património imobiliário do Estado, por 9,24 milhões de euros. A Câmara Municipal de Lisboa,  e a Mainside (empresa promotora da Lx Factory, em Alcântara) assinaram em Maio de 2013 um protocolo «tendo em vista a reabilitação e reutilização do Hospital do Desterro, que passará a ser um «território experimental aberto ao mundo».

Rua do Desterro [1912]
Ao fundo, a entrada do Hospital do Desterro
Joshua Benoliel, in AML

No comments:

Post a Comment

Web Analytics