Tuesday, 30 June 2015

Cinema Apolo 70

«O Drugstore Apolo 70 (o maior da Europa) foi ontem inaugurado»

in Diário Popular


Inaugurado em Maio de 1971, o Cinema Apolo 70 homenageava com o seu nome a primeira viagem do homem à Lua e estabelecia paralelismo com a data de início da sua construção. O Cinema Apolo 70 não pode ser dissociado do Centro Comercial com o mesmo nome onde estava integrado, e que, na época, causou um grande impacto na vida lisboeta; pelas suas 41 lojas, o inovador snack-bar e o bowling de 4 pistas. Projectada pelo arq. Augusto Silva com decoração de Paulo Guilherme, a sala dispunha de 300 lugares e estava equipada com aparelhagem Phillips de projecção para 35mm, ecrã normal e cinemascope
Este cinema, para além da envolvência era apreciado pela qualidade dos seus filmes, a que, não era alheio o coordenador de programação na altura, o conhecido realizador e escritor de teatro e cinema, Lauro António. O cinema inaugurou com «O Vale do Fugitivo», de Abraham Polonsky, o western que Lauro António escolhera para a estreia. O cinema fechou nos anos 90 sendo substituído por um restaurante mas o centro comercial mantém-se até aos nossos dias.

Avenida de Júlio Dinis, 10A [1977]
Vasques, in A.M.L.

2 comments:

  1. lembro-me de mirar fascinado as pistas de bowling...

    ReplyDelete
  2. Conheci este pequeno mas aconchegante centro comercial depois do dia 14-07-1972 altura em que regressei a Lisboa após ter comprido serviço militar em Angola e fiquei cliente durante alguns anos .

    ReplyDelete

Web Analytics