Friday, 5 April 2019

Palácio dos Viscondes dos Olivais

Encontramos a rua larga e arejada chamada do Pau da Bandeira — escreve Norberto de Araújo — , dístico antigo pitoresco, e cuja origem me escapa.
Êsse grande palácio, dominando a área, n.º  11, confinado entre quatro ruas, foi antiga propriedade dos  Viscondes dos Olivais, e é, desde 1927, a Legação da Alemanha.

Antigo Palácio dos Viscondes dos Olivais [1927]
Rua do Pau de Bandeira, 11
Actual Embaixada da República Popular da China 
Fotógrafo não identificado, in Arquivo do Jornal O Século

Esta Rua do Pau de Bandeira, das freguesias da Lapa e dos Prazeres, foi um topónimo fixado em Lisboa em data desconhecida mas certamente posterior aos séculos XVI e XVII, já que foi no decurso destes que nesta zona começaram a surgir os primeiros conventos e entre os quais se rasgaram os primeiros arruamentos a partir da 2ª metade do século XVIII, como a Rua do Meio, a Rua de S. Félix, a Rua dos Remédios ou a Rua de S. João da Mata, povoamento que se foi intensificando depois do terramoto de 1755.

Bibliografia
ARAÚJO, Norberto de, Peregrinações em Lisboa, vol. VII, pp. 51-52, 1938.
cm-lisboa.pt.

1 comment:

  1. serviu os alemães, depois nos anos 50-60 pertenceu aos EUA, não quando passou para a China

    ReplyDelete

Web Analytics