Friday, 7 September 2018

Rua Augusta, 161 «Casa Africana»

A Casa Africana — recorda- nos mestre Araújo — , do lado poente da Rua [Augusta] esquina da Rua da Vitória — celebrizada pelo «preto» que transporta os pacotes, tradição — mascotte que ainda se mantém — é dos estabelecimentos comerciais de renome na Baixa.

Rua Augusta, 161 [c. 1934]
«Casa Africana»
Eduardo Portugal, in AML

A Casa Africana foi fundada em 1856 na loja do prédio quási fronteiro, onde está o Hotel das Duas Nações [...] Em 1909 transferiu-se a Casa Africana para êste prédio, [...] ocupando de comêço apenas a loja, mas alargando e elevando sucessivamente as suas instalações, hoje com quatro andares.
[ARAÚJO, Norberto de, Peregrinações em Lisboa, vol. XII, p. 52, 1939.]

Rua Augusta, 161 [1940]
 Calçada portuguesa, o «Preto da Casa Africana»
Eduardo Portugal, in AML
Anúncio da Casa Africana [1941]
Frase de marca «O Preto da Casa Africana» era 

sinónimo de alguém muito carregado de embrulhos.




2 comments:

  1. I the efforts you have put in this, regards for all the great blog posts.

    ReplyDelete
  2. CASA AFRICANA. QUANTOS A PODEM LEMBRAR? UMA OUTRA VIDA DA CIDADE. GRATO.

    ReplyDelete

Web Analytics