sábado, 2 de julho de 2016

Os alfacinhas vão a banhos: praia da Cruz Quebrada

No Verão Lisboa despovoava-se. «De resto, Lisboa no verão era tão secante!...» (Queirós: 1928). A Mala da Europa de 18 de Agosto de 1898 noticiava «uma grande e alegre debandada, por terras de aguas, de praias e consagradas estancias estivaes»; mas os que ficavam iam a banhos a Belém, a Pedrouços, Algés ou Cruz Quebrada.
No Cais do Sodré tomava-se o vapor até Belém e aí, na praia da Torre, «as barracas dos banhistas, brancas, pontiagudas» davam ao sítio um «ar de um acampamento de ópera cómica» (Ortigão: 2001). Torneios de natação e regatas no Tejo animavam a estação estival e, em Pedrouços, em Alcântara ou em Algés, os cais e as praias «com barracas de pinho cru, pintadas às listas por fora» (Miguéis: 1960) a cheirarem «a sal e a urina» animavam-se e enchiam-se de gente. [1]

Praia da Cruz Quebrada [1931-09-07]
Domingo de praia
Fotógrafo não identificado, in Arquivo do Jornal O Século

« Setembro entrou e com elle a grande lufa-lufa dos banhos do mar.
Lisboa e o paiz inteiro não pensam agora senão em banhar-se! Os lisboetas molham se nos poços das barcassas, alastram-se em colonias numerosas e ruidosas pelas praias do Tejo, as praias ao pé da porta, Pedrouços, Algés, Cruz Quebrada, Caxias, Paço d'Arcos, Oeiras, os mais elegantes vão até ao Estoril e Cascaes, os mais pacatos até á Ericeira, os mais misanthropos até Santa Cruz: os provincianos esses emigram em grandes caravanas para as praias de mais luxo, as praias afamadas de banho d'onda e de roleta permanente, Espinho, Figueira, Povoa, e a preoccupação de todos os bons portuguezes, desde Monsão até Tavira, é apenas uma só — o mergulho!» [2]

Praia da Cruz Quebrada [1931-09-07]
Depois do almoço
Fotógrafo não identificado, in Arquivo do Jornal O Século

[1] (JANEIRO, Maria João, Lisboa: histórias e memórias, p. 23)
[2] (O OCCIDENTE: revista ilustrada de Portugal e do estrangeiro, 11 Set. 1893)

4 comentários:

  1. ESTÃO A ESQUECER-SE QUE A 1ª PRAIA A SER FREQUENTADA ERA A DE ALGÉS....QUE ERA ÓPTIMA.

    ResponderEliminar
  2. Não, não esquecemos. Se pesquisar no blogue por "Praia de Algés" encontrará um artigo sobre a referida praia.

    ResponderEliminar
  3. dE SAPATOS E FATO - AQUELAS ALMINHAS GOZAVAM A PRAIA

    ResponderEliminar

Web Analytics