Friday, 17 June 2022

Rua de Dom Duarte

Pelo edital da CML de 3 de Novembro de 1949, o troço da Rua dos Fanqueiros, compreendido entre a Praça da Figueira e a Rua da Palma, passou a denominar-se: Rua de Dom Duarte.

Dom Duarte, filho de D. João I, Mestre de Avis e de D. Filipa de Lencastre, nasceu em Viseu, a 31 de Outubro de 1391 e faleceu em Tomar, a 13 de Setembro de 1438. Foi o décimo primeiro rei de Portugal e o segundo da segunda dinastia tendo ascendido ao trono com a morte de seu pai em 1433.
Em relação à política interna promulgou a Lei Mental, medida de centralização que se destinava a defender o património da coroa. O seu curto reinado, de apenas cinco anos, ficou também marcado pela passagem do cabo Bojador por Gil Eanes, feito que permitiu uma mais rápida exploração da costa africana.
Com o apoio da sua mulher a rainha D. Leonor de Aragão e dos seus irmãos infantes D. Fernando a D. Henrique e a oposição dos irmãos infantes D. Pedro a D. João, lançou-se na política de conquistas em Marrocos, que se saldou pelo desastre militar de Tânger e pela morte de D. Fernando no cativeiro.

Rua de Dom Duarte [195-]
Ao fundo, a Rua da Palma; à dir., a extinta Rua Silva e Albuquerque; o sentido do trânsito foi alterado durante o período em que tiveram lugar as demolições na Mouraria (para construção da Praça Martim Moniz).
Judah Benoliel, in AML

No comments:

Post a Comment

Web Analytics