Friday, 24 August 2018

Igreja de S. Mamede

E olhemos agora êste templo paroquial de S. Mamede, de tão trivial fachada.
A paroquial de S. Mamede, data de 1312, e não de 1220 — recorda o ilustre Norberto de Araújo — , como parece provado. O seu primeiro templo foi erigido no sopé do Castelo, sendo totalmente destruído pelo Terramoto, acolhendo-se então a paroquial a S. Cristóvão de onde passou em 1761 para S. Patrício, a-par-de S. Crispim; em 1769 transitou para a Ermida de N. Senhora da Mãi de Deus e dos Homens, a Vale Pereiro, que passou a ser sede paroquial.

Igreja de S. Mamede [1912] 
Largo de São Mamede, 1
Garcia Nunes, in AML

A «nova» Igreja neste lugar, terrenos do Colégio dos Nobres, anteriormente do Noviciado da Companhia de Jesus, começou a edificar-se em 1783, sem que a obra, sempre tocada de infortúnio, prosseguisse regularmente, a tal ponto que, em 1840, quanto se tinha erguido já estava em ruína.
Só em 28 de Agôsto de 1861 a nova Igreja foi inaugurada, sem aliás estar concluída, alguns anos depois ameaçava outra vez ruína recomeçando, em 1880, as obras em verdade até ali nunca rematadas. O templo foi dado, enfim, por pronto, mas na madrugada de 26 de Maio de 1921 a mal fadada Igreja ardeu quási totalmente; por subscrição pública iniciou-se logo a reconstrução da Igreja que temos à vista, inaugurada em 24 de Fevereiro de 1924.¹

Igreja de S. Mamede [195-]
Imagem de Nossa Senhora da Conceição
Largo de São Mamede, 1
Mário de Oliveira , in AML

Bibliografia
¹ ARAÚJO, Norberto de, Peregrinações em Lisboa, vol. XI, p. 23, 1939.

2 comments:

  1. You need to bbe a part of a contest for one of thhe most useful sites on the web.
    I'm going to ighly recommend this site!

    ReplyDelete
  2. Aqui casei em junho de 1971 (Padre Reis, o nosso abraço…)

    ReplyDelete

Web Analytics