Friday, 8 September 2017

Avenida da Liberdade com a Rua Barata Salgueiro

A urbanização dos terrenos adjacentes à parte ocidental da Avenida da Liberdade só avançou a partir de 1880, depois de acordo entre a Câmara e o capitalista e advogado Antão Barata Salgueiro, proprietário de uma larga área de terrenos nessa zona. Os arruamentos, abertos desde 1882, tomaram os nomes de vultos do liberalismo e foram sendo ladeados de «palacetes particulares, alguns de certo mérito, prédios sólidos de rendimento» (ARAÚJO, 1939), destinados a uma classe burguesa abastada. Restam ainda diversas construções dessa época, estando no entanto a unidade do conjunto cada vez mais prejudicada pelos novos edifícios que proliferam de forma imparável.

Avenida da Liberdade com a Rua Barata Salgueiro [c. 1910]
Joshua Benoliel, in AML

O primeiro palacete na foto acima, no nº 185, foi demolido na década de 1930 para dar lugar ao primitivo Hotel Tivoli (Palacete Rosa Damasceno); o segundo palacete, no nº 187-189, construido em 1891, de estilo neo-mourisco é o actual Hotel Veneza mandado construir por Adriano Antão Barata Salgueiro; o terceiro palacete no n.º 191-193, de Cipriano Ribeiro Caleia adquirido a Barata Salgueiro, construído nos finais do séc. XIX, é o actual Arquivo Histórico do MOPTC. O quarto palacete no nº 195 — no gaveto com a Rua Barata Salgueiro — é o Palacete Barata Salgueiro, demolido na década de 1970, para dar lugar à sede do BES, actual Novo Banco.

Avenida da Liberdade, panorâmica N-S [c. 1934]
 A vermelho, a Rua Barata Salgueiro

Ferreira da Cunha, in AML

1 comment:

  1. Bom dia,

    Permita-me uma pequena correcção:

    O primeiro bloco do actual edifício “Hotel Tivoli”, é que foi construído, e concluído em 1958, no terreno que tinha sido ocupado pelo Palacete Rosa Damasceno.
    O primitivo "Hotel Tivoli" tinha sido inaugurado em Junho de 1930, num edifício abaixo do Palacete Rosa Damasceno, no nº 179, fazendo esquina com uma rua sem saída na altura. Este edifício foi mantido até à construção do actual 2º bloco do Hotel.

    Os meus cumprimentos
    José Leite

    ReplyDelete

Web Analytics