sábado, 17 de setembro de 2016

Tabacaria Costa

Do outro lado, porém, na esquina da rua do Ouro, a Tabacaria Costa, com a sua montra bem illuminada, replecta de bilhetes postaes illustrados e photographias diversas, obriga o povo a perder meia hora a vêr as collecções, e não raro é impellido pelo desejo de possuir um ou outro postal, a entrar e comprar, para mandar a um amigo ausente, ou mesmo para guardar como recordação. [1]

Tabacaria Costa [c. 1910]
Rua Áurea vulgo Rua do Ouro.; Rua Primeiro de Dezembro; Hotel Universo

Alberto Carlos Lima, in AML

A Tabacaria Costa, cujo negócio de bilhetes postaes é importantissimo e que fica à esquina da Rua do Oiro, para o Rocio do lado direito de quem desce, foi, outr'ora, o celebre Pão Quente, um cambista que fez época e que estabeleceu a sua casa pouco mais ou menos quando se fundaram as loterias. Depois esteve ali o cambista Silva, que mudou mais tarde para o prédio a seguir ao do Monte-Pio, d'onde passou para a loja que presentemente ocupa. A Tabacaria Costa, ponto forçado de estacionamento para todos os estrangeiros que veem a Lisboa, não tem quem a exceda, presentemente, nos magnificos fornecimentos de postaes nem nas collecções de vistas de Lisboa e dos arredores da capital. Assim, se o Pão Quente é ainda hoje relembrado a Tabacaria Costa, que tão grande desenvolvimento tem sabido imprimir ao commercio dos bilhetes postaes, será tambem das que, no futuro, serão apontadas com sympathia. [2]

Tabacaria Costa [c. 1910]
Rua Áurea vulgo Rua do Ouro.; Hotel Universo

Alberto Carlos Lima, in AML


Bibliografia:
[1] (Serões: revista mensal illustrada, p. 56, 1909)
[2] (A Capital: diário republicano da noite, 29 Junho de 1916)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Web Analytics