quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Garagem Auto-Palace

Construída para a Sociedade Portuguesa de Automóveis, segundo projecto de Vieillard & Touzet, datado de 1906, trata-se de um edifício de planta quadrada, desenvolvido em dois pisos encimados por frontão curvo ladeado por duas pilastras. Classificado como Imóvel de Interesse Público, traduz uma arquitectura civil de equipamento ecléctica e dos raros exemplares da arquitectura do ferro em Lisboa, observando-se a permanência dos esquemas arquitectónicos oitocentistas com recurso a uma gramática decorativa de cariz neoclássico, visível na entrada tripartida, a par de uma linguagem Arte Nova patente na utilização do ferro associado ao vidro, no grafismo ondulante da palavra Auto-Palace do frontão, assim como nos vitrais do 2º piso, datados de 1907 e assinados por C. Martins, que têm como temática principal o automóvel, enquadrado por uma malha fina e sinuosa de motivos florais.
Foi considerado uma das 100 Obras de Engenharia mais relevantes do século passado. [in cm-lisboa.pt]

Rua Alexandre Herculano,  Garagem Auto-Palace [1912]
Joshua Benoliel, in AML

Obs.: Transporte colectivo em experiência. À data da fotografia o edifício é ocupado pela "Portuguese Motor & Machinery Company, Ltd"- Sucessores; no local actualmente ocupado pela entrada do Mercado do Rato, havia então a carpintaria Mechanica Portugueza; o veículo a sair do salão, faz uma demonstração, como se infere da placa existente na sua dianteira.

Rua Alexandre Herculano,  Garagem Auto-Palace [1908]
Joshua Benoliel, in AML

Sem comentários:

Enviar um comentário

Web Analytics